Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017 - SÃO JOSÉ DOS QUATRO MARCOS

Conheça os 4 candidatos que concorrerão a prefeito em Mirassol

Quatro candidatos vão disputar a eleição suplementar em Mirassol D’Oeste que vai acontecer em 19 de novembro. As candidaturas foram definidas nas convenções realizadas no domingo (8).

O novo pleito foi convocado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em razão do indeferimento da candidatura de Elias Leal (PSD), que foi o mais votado e reeleito na última eleição com 7.830 votos (56,13%).

Apoiado por Elias Leal, o PSD lançou a candidatura do ex-prefeito Edvaldo Paiva (PSD) que terá como vice, Irineu da Farmácia ou Balneário Lago Azul (PSD). A coligação denominada  "Juntos Por Mirassol",  conta com apoio do PMDB, PSB e Solidariedade.

Se opõem à chapa do PSD, os candidatos a prefeito e vice, respectivamente, os vereadores Euclides Paixão (PP) e Fransuelo Ferrai (PSC).

O candidato a prefeito do PP, inclusive, foi o vereador mais votado com 825 votos, com apoio do deputado federal e presidente estadual da sigla, Ezequiel Fonseca. O PR e PPS compõem a coligação encabeçada por Euclides.

Em chapa pura, o DEM lançou o ex-diretor do SAEMI, André Gimenez e o ex-vereador Laércio Pereira.
Outra candidatura pura foi a lançada pelo PTB, na convenção de domingo, encabeçada pelo advogado Marcel de Sá e Marcos Ribeiro, atual Chefe de Gabinete da prefeita interina, Marinês Campos (PTB).

Marcel de Sá foi vice na chapa que venceu a eleição de 2016, liderada pelo prefeito reeleito, Elias Leal (PSD). Nesta eleição, Elias Leal recebeu 7.830 votos.

O segundo colocado, o advogado Jeferson Beato (PSDB),  conseguiu 6.121 votos. Jeferson pretendia disputar a eleição suplementar do dia 19 de novembro, porém, na convenção do partido com aliados do pleito de 2016, como PDT e PV, acabou anunciando a sua dessistência, após não conseguir manter o apoio do PP e PSC.

Já a chapa liderada pelo comerciante Juvenal Caetano (PRB) e o candidato a vice, o agricultor Gelson Miranda (PT), anunciou nesta segunda-feira que não vai mais disputar o pleito suplementar.

Por outro lado, a direção do PT não descarta em lançar chapa pura, com Gelson Miranda e Antônio Gregório, já que o prazo para requerer registro de candidaturas junto a Justiça Eleitoral desta Comarca, termina nesta terça-feira, 10. Caso o pedido seja feito pelo PT, subirá para 5 o número de candidatos à prefeito que dispurão o pleito eleitoral.


Comentários

  • Um Resumo

    logo

    Este site foi desenvolvido com toda técnologia semântica do HTML5 e foi criado com as últimas tecnologias disponíveis.

  • Facebook

Desenvolvido por Alexandro (65) 99629-0014 | MEUCI.com.br