Sexta-Feira, 20 de Outubro de 2017 - SÃO JOSÉ DOS QUATRO MARCOS

Caminhoneiros prometem fechar rodovias federais em Mato Grosso

O bloqueio deve ocorrer na próxima quarta-feira, 1º de agosto, em pontos estratégicos das BRs 163, 364 e 070

Caminhoneiros devem bloquear as principais rodovias de Mato Grosso na próxima quarta-feira (1º de agosto), a partir das 6 horas. A categoria é contra o aumento na tributação dos combustíveis anunciada na última semana pelo governo federal. O aumento no PIS/Cofins elevou o litro do diesel em R$ 0,46, o litro da gasolina em R$ 0,41 e o litro do etanol em R$0,19. O movimento quer interditar pontos estratégicos das BRs 163, 364 e 070.

O represente do Movimento dos Transportadores de Grãos (MTG), Gilson Baitaca, confirmou ao LIVRE que outros estados brasileiros também devem aderir ao movimento e faz um convite para que toda a sociedade participe. “ É um problema social, não é só do transportador”, argumenta.

Baitaca destaca que o aumento atinge a todos e que a população vai pagar duas vezes – nas bombas dos postos e nas prateleiras dos supermercados. “Esse aumento é criminoso, atinge diretamente o setor de carga”, ressalta. Para ele, a sociedade não deve pagar o déficit das contas do governo. “Isso é resultado de corrupção, não fomos nós que fizemos esse estrago”.

Segundo a Associação Nacional de Transporte de Carga e Logística o custo do frete deve aumentar em pelo menos 4%. “Isso impacta diretamente no preço nas frutas, verduras e legumes”, destaca o economista Oscemário Daltro ao lembrar que boa parte dos hortifrutigranjeiros vem das regiões Sul e Sudeste para a mesa dos mato-grossenses.

O Grupo de Transporte de Rondonópolis (GRT), o Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos (Sindicam) e o Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de Mato Grosso (Sindmat), confirmaram apoio ao movimento. Na ocasião, prometem protestar também contra o governo estadual que cogita aumentar em R$ 0,10 a cobrança do Fethab sobre litro de óleo diesel. A medida seria uma alternativa para socorrer a saúde, alega o vice-governador Carlos Fávaro.


Comentários

  • Um Resumo

    logo

    Este site foi desenvolvido com toda técnologia semântica do HTML5 e foi criado com as últimas tecnologias disponíveis.

  • Facebook

Desenvolvido por Alexandro (65) 99629-0014 | MEUCI.com.br